Voltar para Todos os Eventos

MESA 14 - JORNALISMO EM CHEQUE: FAKE NEWS, PÓS-VERDADE E NARRATIVA HISTÓRICA

  • Auditório do Centro Educacional Integrado Rua Coronel Sebastião Marcondes da Silva, 1 Santo Antônio do Pinhal - SP (mapa)

Bruno Paes Manso
Leonardo Sakamoto
Mathias de Alencastro

Mediação: Roberto Guimarães

Uma mentira repetida mil vezes torna-se verdade. O autor dessa frase lapidar entendia do assunto. Artífice da máquina de propaganda nazista, Joseph Goebbels foi um mestre na arte de manipular, pois sabia que o controle da informação é instrumento de dominação política. E que a verdade, no limite, é apenas uma questão de opinião. 
Mais de 70 anos após o fim do pesadelo hitlerista, a mentira fantasiada de verdade se sofisticou. Turbinadas por algoritmos implacáveis, as fake news se propagam em alta velocidade pelas mídias sociais. Em segundos, milhões de pessoas são impactadas e, muitas vezes sem se dar conta disso, disseminam notícias falsas em suas redes, acrescentando uma camada de credibilidade à mentira original. 
Talvez seja ocioso discutir se a escalada da polarização política, fenômeno que ocorre não apenas no Brasil, é causa ou efeito das fake news e do modus operandi das mídias sociais. Mas é indiscutível que – em tempos de muita ansiedade por falar e pouca disponibilidade para ouvir – as bolhas virtuais criadas e alimentadas por essa engrenagem invisível são terreno fértil para que a pós-verdade impere. 
Qual é a responsabilidade social do jornalista nesse contexto? Como o “bom” jornalismo pode contribuir para o debate público de ideias? E de que maneira isso se articula com a diuturna construção da narrativa histórica?

Evento Posterior: 16 de setembro
O RESPEITO À MADEIRA NO DESIGN DE MÓVEIS